Current Date:fevereiro 25, 2024

Grammy 2020: Billie Eilish é a grande vencedora da noite; veja as performances e ganhadores

Billie é a primeira mulher a ganhar as quatro principais categorias do Grammy no mesmo ano

A maior noite da indústria musical foi marcada por prêmios inéditos, retornos e muitas emoções. A abertura da cerimônia ficou por conta da cantora Lizzo, que apresentou seus dois grandes sucessos; “Cuz I Love You” e “Truth Hurts”.

A anfitriã da noite, Alicia Keys, iniciou seu discurso com uma bela homenagem ao ídolo da NBA, Kobe Bryant, que faleceu em um acidente de helicóptero.O ex-jogador de basquete foi lembrado diversas vezes pelos artistas que subiam ao palco durante a premiação.

Os músicos com maior número de indicações foram Billie Eilish, Lizzo e Lil Nas X, que coincidentemente disputavam o prêmio pela primeira vez. Billie foi a grande vencedora e ainda fez história, com apenas 18 anos, a jovem é a primeira mulher a conquistar as quatro principais categorias do Grammy no mesmo ano; álbum do ano por When We All Fall Asleep, Where do We Go?, gravação do ano e canção do ano, por Bad Guy, e artista revelação. A cantora levou também o prêmio de melhor álbum pop vocal e seu irmão, Finneas O’Connell, levou como produtor não-clássico do ano pelo trabalho com ela.

Já Lizzo, que teve oito indicações, levou três prêmios para casa; melhor performance pop solo por Truth Hurts, performance tradicional de R&B por Jerome e melhor álbum de música urbana pela versão deluxe de ‘Cuz I Love You.

Lil Nas X ganhou, com o remix de Old Town Road, melhor performance pop em dupla e melhor videoclipe, ao lado de Billy Ray Cyrus. Claro que o hit não poderia ficar de fora da lista de apresentações da cerimônia. A performance reuniu não só o companheiro de feat, Billy, mas também o grupo de k-pop, BTS, o DJ Diplo, e Mason Ramsey, garotinho que viralizou ao dançar a música em um supermercado.

Camila Cabello protagonizou um dos momentos mais sentimentais da noite. Com seu novo single, First Man, a diva cubana homenageou seu pai, que estava na platéia e não conteve as lágrimas.

Emocionante também foi o tão aguardado retorno de Demi Lovato. Com vocais impecáveis, a canção Anyone foi apresentada ao público sob muita comoção. A letra intensa e pessoal relata um pedido de socorro da cantora. A música foi escrita quatro dias antes de sua overdose, em julho de 2018.

E por falar em música inédita, os Jonas Brothers também resolveram dar uma palinha do novo single antes de performarem a contagiante “What A Man Gotta Do“.O nome do próximo lançamento dos irmãos é “Five more minutes” e ao que tudo indica, fará parte de um novo álbum.

Ariana Grande não levou nenhum dos cinco prêmios que estava concorrendo, mas agitou a platéia com sua poderosa performance; um medley dos seus hits “Imagine”, “My Favorite Things” , 7 Rings” e “Thank U, Next”.

Outro destaque foi a apresentação de Rosalía. Ao cantar “Juro Que” e “Malamente”, a cantora espanhola encantou a todos com sua voz potente e levou a cultura flamenca para o palco do Grammy. Ela venceu a categoria Melhor Álbum Latino com “El Mal Querer”.

Confira a lista de vencedores:

Gravação do ano

  • “Hey, Ma” – Bon Iver
  • “Bad Guy” – Billie EiIish
  • “7 Rings” – Ariana Grande
  • “Hard Place” – H.E.R
  • “Old Town Road” – Lil Nas X ft.Ray Cyrus
  • “Talk” – Khalid
  • “Truth Hurts” – Lizzo
  • “Sunflower” – Post Malone & Swae Lee

Álbum do ano

  • “I, I” – Boniver
  • “Norman F***ing Rockwell” – Lana Del Rey
  • “When We all Fall Asleep, Where Do We Go” – Billie Eilish
  • “Thank U, Next” – Ariana Grande
  • “I Used to Know Her” – H.E.R
  • “7” – Lil Nas X
  • “Cuz I Love You” – Lizzo
  • “Father on the Bride” – Vampire Weekend

Artista Revelação

  • Black Pumas
  • Billie Eilish
  • Lil Nas X
  • Lizzo
  • Maggie Rogers
  • Rosalía
  • Tank and the Bankas
  • Yola

Melhor performance de rap/vocal

  • “Higher” – DJ Khaled ft. Nipsey Hussle & John Legend
  • “Drip Too Hard” – Lil Baby & Gunna
  • “Panini” – Lil Nas X
  • “Ballin” – Mustard ft. Roddy Ricch
  • “The London” – Young Thug ft. J. Cole & Travis Scott

Música do ano

  • “Always Remember Us This Way” (gravada por Lady Gaga)
  • “Bad Guy” (gravada por Billie EiIish)
  • “Bring My Flowers Now” (gravada por Tanya Tucker)
  • “Hard Place” (gravada por H.E.R)
  • “Lover” (gravada por Taylor Swift)
  • “Norman F***ing Rockwell” (gravada por Lana Del Rey)
  • “Someone You Loved” (gravada por Lewis Capaldi)
  • “Truth Hurts” (gravada por Lizzo)

Melhor álbum rap

  • “Revenge of the Dreamers III” – Dreamville
  • “Championships” – Meek Mill
  • “I am > I was” – 21 Savage
  • “Igor” – Tyler, The Creator
  • “The Lost Boy” – YBN Cordae

Melhor performance de pop solo

  • “Spirit” – Beyoncé
  • “Bad Guy” – Billie Eilish
  • “7 Rings” – Ariana Grande
  • “Truth Hurts” – Lizzo
  • “You Need to Calm Down” – Taylor Swift

Melhor álbum pop

  • “The Lion King: The Gift” – Beyoncé
  • “When We all Fall Asleep, Where Do We Go” – Billie Eilish
  • “Thank U, Next” – Ariana Grande
  • “No. 6 Collaborations Project” – Ed Sheeran
  • “Lover” – Taylor Swift

Melhor álbum pop com vocal tradicional

  • “Sì” – Andrea Bocelli
  • “Love (Deluxe Edition) – Michael Bublé
  • “Look Now” – Elvis Costello & The Imposters
  • “A Legendary Christmas” – John Legend
  • “Walls” – Barbra Streisand

Melhor performance de duo/grupo pop

  • “Boyfriend” – Ariana Grande & Social House
  • “Sucker” – Jonas Brothers
  • “Old Town Road” – Lil Nas X featuring Billy Ray Cyrus
  • “Sunflower” – Post Malone & Swae Lee
  • “Señorita” – Shawn Mendes & Camila Cabello

Melhor música de R&B

  • “Could’ve Been” – H.E.R ft. Bryson Tiller
  • “Look At Me Now” – Emily King
  • “No Guidance” – Chris Brown ft. Drake
  • “Roll Some Mo” – Lucky Daye
  • “Say So” – PJ Morton ft. JoJo

Melhor álbum de R&B

  • “1123” – BJ The Chicago Kid
  • “Painted” – Lucky Daye
  • “Ella Mai” – Ella Mai
  • “Paul” – PJ Morton
  • “Ventura” – Anderson .Paak

Melhor álbum de música urbana

  • “Apollo XXI” – Steve Lacy
  • “Cuz I love you (Deluxe)” – Lizzo
  • “Overload – Georgia Anne Muldrow
  • “Saturn” – NAO
  • “Being human in public” – Jessie Reyez

Melhor performance de R&B tradicional

  • “Time Today” – BJ The Chicago Kid
  • “Steady Love” – India.Arie
  • “Jerome” – Lizzo
  • “Real Games” – Lucky Daye
  • “Built for Love” – PJ Morton Featuring Jazmine Sullivan

Melhor performance de R&B

  • “Love Again” – Daniel Caesar & Brandy
  • “Could’ve Been” – H.E.R featuring Bryson Tiller
  • “Exactly How I Feel” – Lizzo featuring Gucci Mane
  • “Roll Some Mo” – Lucky Daye
  • “Come Home” – Anderson .Paak ft. André 3000

Melhor álbum de música alternativa

  • “U.F.O.F.” – Big Thief
  • “Assume Form” – James Blake
  • “I,I” – Bon Iver
  • “Father of the bride” – Vampire Weekend
  • “Anima” – Thom Yorke

Melhor álbum de rock

  • “Amo” – Bring Me The Horizon
  • “Social Cues” – Cage The Elephant
  • “In the end” – The Cranberries
  • “Trauma” – I Prevail
  • “Feral Roots” – Rival Sons

Melhor música de rock

  • “Fear Inoculum” – Tool
  • “Give yourself a try” – The 1975
  • “Harmony Hall” – Vampire Weekend
  • “History Repeats” – Brittany Howard
  • “This land” – Gary Clark Jr.

Melhor performance de metal

  • “Astorolus – The Great Octopus” – Candlemass Featuring Tony Iommi
  • “Humanicide” – Death Angel
  • “Bow Down” – I Prevail
  • “Unleashed” – Killswitch Engage
  • “7empest” – Tool

Melhor performance de rock

  • “Pretty Waste” – Bones UK
  • “This Land” – Gary Clark Jr.
  • “History Repeats” – Brittany Howard
  • “Woman” – Karen O & Danger Mouse
  • “Too Bad” – Rival Sons

Melhor música de rap

  • “Bad idea” – YBN Cordae ft. Chance The Rapper
  • “Gold roses” – Rick Ross ft. Drake
  • “A lot” – 21 Savage ft. J. Cole
  • “Racks in the middle” – Nipsey Hussle ft. Roddy Ricch & Hit-Boy
  • “Suge” – DaBabby

Melhor performance de rap

  • “Middle Child” – J. Cole
  • “Suge” – DaBaby
  • “Down Bad” – Dreamville ft. J.I.D, Bas, J. Cole, EARTHGANG & Young Nudy
  • “Racks in the Middle” – Nipsey Hussle ft. Roddy Ricch & Hit-Boy
  • “Clout” – Offset ft. Cardi B

Melhor clipe

  • “We’ve Got to Try” – The Chemical Brothers
  • “This Land” – Gary Clark Jr.
  • “Cellophane” – FKA Twigs
  • “Old Town Road (Official Movie) – Lil Nas X & Billy Ray Cyrus
  • “Glad He’s Gone” – Tove Lo

Melhor álbum de jazz latino

  • “Antidote” – Chick Corea & The Spanish Heart Band
  • “Sorte!: Music by JOhn Finbury” – Thalma de Freitas com Vitor Gonçalves, John Patitucci, Chico Pinheiro, Rogerio Boccato & Duduka Da Fonseca
  • “Una noche con Rubén Blades” – Jazz At Lincoln Center Orchestra com Wynton Marsalis ft. Rubén Blades
  • “Carib” – David Sánchez
  • “Sonero: The music of Ismael Rivera” – Miguel Zenón