Current Date:agosto 4, 2021

Lawson lança o aguardado terceiro álbum de estúdio, “Cmd Z”

Trabalho chega cinco anos após "Perspective".

Lawson disponibilizou recentemente seu terceiro álbum de estúdio Cmd Z. O disco é o primeiro grande projeto fonográfico da banda britânica desde a divulgação do CD Perspective em 2016.

Andy Brown, Joel Peat, Ryan Fletcher e Adam Pitts anunciaram seu retorno em abril do ano passado. Desde então, o grupo divulgou os singles Lovers, Animals, She Don’t Even Know, Four Letters, Hell Yeah, Killing Me e Blind, que integram Cmd Z ao lado de oito novas faixas.

O quarteto comentou sobre o comeback, o apoio dos fãs e a criação do álbum em uma publicação especial sobre o lançamento.

Então aqui vai, levamos apenas 5 anos, mas nosso terceiro álbum está finalmente lançado agora. Quando subimos no palco no final do nosso show na Islington Academy no dia 25 de outubro de 2016, honestamente não sabíamos se estaríamos no palco juntos novamente, quanto mais lançar um novo álbum. Ainda éramos todos melhores amigos e estarmos juntos no palco era nossa coisa favorita no mundo, mas parecia que talvez Lawson tivesse completado seu curso, e era o momento certo para apertar pause. A reunião de Chapman Square em 2018 reacendeu algo em todos nós e nos lembrou que Lawson ainda era tão importante para muitas pessoas quanto era para nós. Então decidimos embarcar nisso novamente, desta vez sem pressão, sem grande gravadora, autofinanciando e autoproduzindo nossa própria música e apenas vendo onde ela nos levaria. Que nos leva a hoje, o ‘Cmd Z’ está liberado no mundo, levou muito mais tempo do que planejamos, mas é um álbum do qual estamos realmente orgulhosos. Esperamos que vocês o amem e realmente não podemos esperar para vê-los cantando em nossa turnê em outubro e novembro. Obrigado por ficar conosco e não se esquecer de nós, obrigado por cada ingresso, cada download do iTunes, cada CD e camiseta que vocês compraram, tudo isso significa que conseguimos continuar sendo aqueles 4 idiotas que iniciaram uma banda em 2009 por um pouco mais de tempo”.

Pouco tempo após sua estreia, Cmd Z figurou no top 10 da parada de álbuns do iTunes no Reino Unido. O disco também é apontado para estrear no Top 40 da principal parada britânica, Official Charts.