Current Date:abril 11, 2021

Monsta X faz show inesquecível no Brasil e se declara ao público: “Gostaria que todas as pessoas do mundo fossem iguais a vocês”

Pontualmente às vinte horas de sexta-feira (19), o Monsta X subiu ao palco do Espaço das Américas em São Paulo para reencontrar seus fãs brasileiros, que aguardavam ansiosamente desde o anúncio do show, em março. Com muito carisma e uma grande sintonia, o grupo transformou a apresentação em uma data marcante para a turnê mundial “We Are Here’.

Os Monbebes – nome dado aos fãs do Monsta X – já estavam aos gritos de animação antes mesmo do evento começar, chamando incansavelmente pelo nome do grupo e mostrando o diferencial do público brasileiro, que conduziu o show esgotado juntamente ao septeto de forma empolgante e emocionante do começo ao fim.

  • O show

Cantada a plenos pulmões, Shoot Out deu início ao espetáculo com uma energia de arrepiar, emendando com a ótima Hero e finalizando o bloco com a faixa de debut, Trespass. Após a trilogia musical de início, ShownuWonhoMinhyukKihyunI.M., Hyungwon e Joohoney fizeram a primeira interação com o público, que devolveu o carinho com muita animação, deixando cada membro com um sorriso estampado no rosto.

Após uma introdução individual e em português de cada integrante, a quarta música do show, Party Time, traz os membros sentados em uma grande mesa de banquete com taças e drinks – enquanto os fãs, em um projeto especial, iluminam a plateia com as cores da bandeira brasileira. Play It CoolMOHAE complementam a primeira parte da setlist, encerrando com o já conhecido hit Jealousy, que contém um refrão explosivo e pop na medida certa, encaixando perfeitamente com a animação do público eufórico.

Ponto-chave da noite, os solos tornaram a linha de show ainda mais especial. O primeiro solo foi do trio MinhyukHyungwon e Kihyun, que em ternos elegantes, arrancaram suspiros da plateia ao som de Myself, cover do cantor americano Bazzi. As apresentações seguiram com Sambakja, da rap line incrível composta por Joohoney e I.M., trazendo as habilidades de Joohoney na bateria e vocais intensos do rapper I.M., membro mais novo do grupo. Finalizando com um conceito sensual, Shownu e Wonho fazem a performance de Mirror, com coreografia ensaiada e oferecendo uma experiência de alusão ao espelho, dividindo o palco com uma parede móvel, sofás como composição de cenário e estilhaços de vidro no telão ao fundo. As três apresentações fazem você fixar os olhos no palco e viajar para outra dimensão.

O Monsta X pode dar uma volta ao mundo, mas tornar a plateia em uma grande balada no set latino de Hyungwon como DJ H.ONE, fazer beat box de funk e samba, ouvir os gritos mais altos e sentir toda a paixão das pessoas, só o Brasil pode proporcionar. E por isso, a promessa da volta foi lançada para o próximo ano, que com certeza muitos fãs estarão esperando para reviver ou presenciar pela primeira vez um momento tão incrível e marcante.

Um pouco mais de vinte canções encerraram o show, mas com toda a adrenalina que ainda restava do público após DRAMARAMA, a explosão Oh My e pela primeira vez apresentada no Brasil, Alligator, o Monsta X poderia se apresentar mais cem vezes [como disse Kihyun] que ainda teria muita energia dos Monbebes.

  • O amor pelos fãs brasileiros

Como é de praxe em shows coreanos, os membros do grupo fazem declarações aos fãs – e o Monsta X não poupou elogios:

I.M.: Eu preparei uma fala em português, sintam com o coração: [português] ‘Meu amor Monbebe, gostaram do show? Voltamos em um ano. Obrigado por tudo’. [coreano] Os Monbebes do Brasil estarão em meu coração para sempre. Nós te amamos!

Joohoney: Aqui [Brasil] não se compara com nenhum outro lugar. De todas as cidades que já fizemos shows, vocês são os melhores! Eu tentei ‘olhar no olho’ de cada um. Muito obrigado!

Hyungwon: Desde a primeira música, parece que a energia me consumiu. Foi uma experiência incrível e graças a vocês, vamos conseguir concluir a turnê. Vocês cantaram as letras em coreano e eu fiquei muito emocionado. Até ano que vem!

Minhyuk: É a primeira vez que eu vejo todo mundo se tornando um. Eu ouvi dizer que vocês esperaram muito tempo por esse show. Mesmo voltando para a Coreia, nunca esqueceremos de vocês. Te amo!

Wonho: Eu esperei tanto por esse show. Por vocês terem me mostrado essa reação calorosa, eu fiquei muito emocionado. Parece que vocês provaram que eu realmente sou um cantor e o porquê eu tenho que estar nesse palco e vir ao Brasil. Eu realmente soube o motivo.

Shownu: Na época de trainee, eu assistia vídeos de muitos artistas estrangeiros, mas eu nunca vi um show com tanta reação calorosa assim. Vocês sentem todas as emoções das músicas. Assim como o Wonho, eu aprendi o porquê devo estar no palco.

Kihyun: No ano passado, o Brasil foi o último país da turnê, e eu disse que tinha sido o melhor show e queria voltar, então estou feliz. Eu consigo fazer mais cem shows aqui no Brasil. Tudo o que falamos é de coração e espero que vocês sintam isso. Muito obrigado!

Carregando um grande repertório com hits desde 2015, Monsta X consegue mostrar o porquê de ser um dos principais nomes da música pop coreana da atualidade. Em cerca de duas horas e meia, os integrantes mostraram vontade em entregar o melhor show possível aos fãs, e claro, tiveram sucesso. Versatilidade, coreografias sincronizadas, cenários de palco, troca de figurino, interação, energia e muito amor à plateia é o que você pode esperar em um concerto do grupo.

Com bandeiras do Brasil e LGBTQ+ no palco e corações vermelhos de papel na plateia, Be My Side encerrou o show de forma tocante e com a certeza de que todos foram apenas um por uma noite, que a música uniu e tornou o dia de 19 de julho de 2019 inesquecível para o Monsta X e Monbebes brasileiros.

Para informações sobre outros shows, confira os canais da Highway Star:

Site | Facebook | Twitter | Instagram | Youtube

Continue acompanhando o Monsta X:

Site | Facebook | Twitter | Instagram | Youtube